12 de Fevereiro de 2018

SOBRE

OBJETIVO

          O 4º Congresso Paranaense de Saúde Pública/Coletiva tem como objetivo contribuir para a expansão e a qualificação da saúde no Paraná, propiciando oportunidade para os participantes aprofundarem seus conhecimentos, aprimorarem competências, discutirem as temáticas prioritárias de saúde do Estado.
          O evento também tem como objetivo a apresentação dos resultados (parciais ou finais) de pesquisas em desenvolvimento ou realizadas. O 4º Congresso deve ser entendido como um momento apropriado para a apresentação de relatos de experiências de estudantes de graduação, de discussão sobre o andamento de projetos aplicativos ou de intervenção realizados durante cursos de pós-graduação.
          Enfim, os três dias do evento representam oportunidade para potencializar ações de educação permanente em saúde, de educação profissional, de produção de conhecimento e de disseminação de boas práticas e de inovações em saúde.


TEMA CENTRAL DO EVENTO
:

ILUMINANDO CAMINHOS PARA O FUTURO DA SAÚDE
Vagalume sozinho é luz pequena na escuridão. Mas corpo luminescente é luz que chama luz.
Se apaga, outra ilumina.
É rebuliço na fosforescência. É “despertação”.
O caminho aparece . . .
Vagalume manda dizer que nunca sofreu de solidão.
Somos centenas, milhares abrindo estrada.
Já é luz incandescente abrindo o futuro
pelo nosso próprio clarão.

          O tema central do evento é produto de reflexões e discussões entre membros da Comissão Organizadora. Buscou-se captar um sentimento disperso entre profissionais que trabalham com a saúde no estado. Insatisfações com o enfoque predominante, apesar de políticas inovadoras e com os obstáculos teimosos que parecem almejar a eternidade.
          O poema, contribuição de uma profissional da área é uma construção criativa que toma por base o tema do evento e o associa a fábula do vagalume, que foi extraída de uma entrevista publicada na Revista Espaço para a Saúde vol.18(1), com o Professor Nelson Rodrigues dos Santos (Nelsão).
          É esta a perspectiva dessa iluminação para o futuro: a capacidade de enxergar e construir, a partir de muitos vagalumes, novos caminhos para a saúde, tomando a questão da avaliação, como grande norteadora desse congresso, mas entendendo que para mudar não basta avaliar.


PÚBLICO-ALVO E VAGAS DISPONÍVEIS

          O evento está sendo planejado para receber 1.000 participantes: profissionais e dirigentes que atuam nos diversos serviços e instâncias da Secretaria Estadual de Saúde; profissionais e dirigentes das Secretarias Municipais de Saúde do Paraná; profissionais e dirigentes dos serviços de saúde dos órgãos federais existentes no estado; profissionais e dirigentes que trabalham nos Consórcios de Saúde e nos Consórcios Intermunicipais de Saúde do Paraná; profissionais e dirigentes dos serviços de saúde mantidos por entidades do Terceiro Setor; profissionais e dirigentes dos hospitais filantrópicos e privados; professores, pesquisadores, estudantes e dirigentes dos cursos de graduação e de pós-graduação em saúde, especialmente das áreas de saúde coletiva e de saúde pública; conselheiros de saúde, líderes e dirigentes de entidades e movimentos comunitários de saúde.


COMISSÃO ORGANIZADORA E COMITÊ CIENTÍFICO

          A Comissão Organizadora do 4º Congresso é constituída pela diretoria do INESCO, direção da ESPP-CFRH, por representantes indicados pelas instituições e co-promotoras e pelos membros das Comissões Específicas.

Comissão Organizadora
João José Batista de Campos (Coordenador Geral) Ana Lúcia Nascimento Fonseca
André Guidio de Almeida
Luiz Fernando Nicz
Raquel Cubas

Comitê Científico
Elaine Rossi Ribeiro (Coordenadora Geral) Roberto Zonato Esteves
Felipe Assan Remondi
Guilherme Graziani
Guilherme Henrique Dantas
Márcia Helena de Souza Freire
Marli Terezinha Oliveira Vannuchi